Notícias

Projeto Gerir – Case da Languiru apresentado a empresários e lideranças do Vale do Rio Pardo

23/08/2017

No mês de agosto o presidente da Cooperativa Languiru, Dirceu Bayer, foi convidado a participar de workshop do Projeto Gerir, iniciativa da Gazeta Grupo de Comunicações em parceria com a Unimed Vales do Taquari e Rio Pardo, Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), Capital Verde, Sicredi e Charrua Hotel.

Detalhes da reestruturação e recuperação financeira da Languiru ao longo dos últimos 15 anos pautaram a explanação do presidente a empresários e lideranças regionais. Realizado mensalmente, o Projeto Gerir pretende valorizar cases de sucesso em gestão, num espaço para troca de ideias e experiências, convidando experientes gestores para apresentação de ações concretas e estratégias corporativas bem-sucedidas.

Presidente Dirceu Bayer participou de evento da Gazeta Grupo de Comunicações em Santa Cruz do Sul (Foto: Leandro Augusto Hamester)

Bayer foi o convidado especial na primeira rodada de debates e abordou o tema “Estratégias para virar o jogo”. “Entendemos que, para o empresário, a experiência é muito mais rica se houver um case de sucesso do que se ele apenas ouvir o que pode ser feito”, destaca a gerente de Circulação e Marketing da Gazeta do Sul, Rochele Conrad.

As inscrições para o evento do dia 22 de agosto, realizado no Charrua Hotel, foram esgotadas. Cerca de 80 empresários e gestores de negócios de Santa Cruz do Sul participaram do workshop, mediado pelo gerente-executivo das Rádios Gazeta, Leandro Siqueira.

 

Desenvolvimento

 

“Planejamento requer ação para colocar em prática, sem esquecer que o grande diferencial são as pessoas”, frisou Bayer, destacando a diversidade produtiva e a área de atuação da Languiru. “Transformamos a matéria-prima produzida pelos associados com muito esmero, com atenção especial à qualidade. O agronegócio é a alavanca da economia brasileira, embora falte estímulo ao setor primário. A Languiru busca estar cada vez mais próxima das comunidades onde está inserida, e nesse contexto o Vale do Rio Pardo e a cooperativa têm muito a crescer, juntos. Certamente a Languiru pode dar a sua contribuição para diversificar a matriz produtiva dessa região, e os produtores rurais do Vale do Rio Pardo incrementar os volumes produtivos da cooperativa”, avaliou.

Por fim, o presidente ainda respondeu a questionamentos sobre Recursos Humanos, princípios do cooperativismo e credibilidade, autogestão, investimentos em educação e qualificação da mão de obra, planejamento, relacionamento com o quadro social e superação de desafios. “A eficiência e ferramentas de controle e gestão, com o uso de diferentes indicadores, são essenciais para gerir uma cooperativa como a Languiru, que no último exercício contabilizou faturamento bruto superior a R$ 1,2 bilhão”, concluiu Bayer.

 

 

 

TEXTO – Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Dia do Colono e do Motorista

No campo, a tecnologia. Na estrada, a fé

Gratidão ao cooperativismo

“Eu sei mais ou menos como é o céu, é tão bonito, tão leve”

Tecnologia

Aplicativo reúne e fornece informações sobre captação de leite na propriedade rural

Dia C

Languiru lança segunda edição de projeto de gastronomia direcionado a comunidades carentes

Gestão e Liderança Cooperativa

Languiru inicia nova edição de curso previsto no Estatuto e Sistema de Governança

Expansão

Cooperativa Languiru inicia coleta de leite na Região Sul do Estado

Segurança pública

Languiru auxilia nas reformas do Presídio Estadual de Lajeado

Curso de Sucessão Familiar

“Eu quero ficar aqui, seguir em frente, investir e aumentar a produtividade”

Agrocenter

Languiru investe em loja modelo para o segmento de máquinas e implementos agrícolas

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.