Notícias

Programa de Sucessão Familiar – Quarto módulo trata sobre gerenciamento do fluxo de caixa

26/11/2018

As vantagens de elaborar uma organizada administração financeira na propriedade rural, de modo que se defina uma política fixa de entrada e saída de recursos financeiros, foi tema do quarto encontro do Programa de Sucessão Familiar da Cooperativa Languiru, que ocorreu no dia 22 de novembro, na Associação dos Funcionários da Languiru, em Teutônia. Os professores Rafael Nicolela e Martin Schulz alertaram os jovens sobre as consequências da falta de organização financeira na propriedade rural. Por outro lado, orientaram sobre soluções na ausência de gerenciamento de fluxo de caixa. Durante dinâmicas de grupo, os estudantes compartilharam procedimentos de gestão financeira que já estão em andamento nas suas propriedades rurais, bem como avaliaram a possibilidade de melhoria de processos.

Dinâmicas em grupo já são uma marca dos encontros (Foto: Éderson Moisés Käfer)

 

Caixa não pode perder a liquidez

 

Nicolela observou que, diariamente, os produtores rurais tomam decisões que refletem em impactos financeiros. Aconselhou a separar as despesas em grupos e a buscar respostas embasadas em números. “A gestão financeira faz uso de ferramentas como planilhas e sistemas de informação”, exemplificou. Comentou que o fluxo de caixa muda conforme a mudança de cenários, frisando que é importante entender quando ocorrem as alterações. “O capital de giro é o montante de recursos que a empresa precisa dispor para financiar suas operações. O caixa alimenta todos os fluxos operacionais do negócio, por isso ele não pode perder a liquidez”, justificou.

Citou movimentações que diminuem os recursos do caixa, como distribuição de lucros, pagamento de juros e aquisição de itens de imobilizados. Como atitudes necessárias para recuperar o fluxo de caixa, aconselhou reduzir estoques, negociar prazos e condições financeiras, vender imobilizados e contatar os inadimplentes. “O curto prazo se define como operacional, o médio prazo se define como tático e o longo prazo se define como estratégico”, explicou.

Nicolela também advertiu que é necessário separar os recursos destinados a investimentos no negócio dos voltados ao lazer dos sócios. Nesse contexto, sugeriu fazer planos para a propriedade rural com o propósito de acompanhar o fluxo de caixa.

 

Capital é necessário para viabilizar a propriedade rural

 

Schulz destacou que é necessário compreender o processo de gerenciamento das finanças na propriedade rural. Aconselhou a estabelecer uma rotina de monitoramento financeiro, salientando que essa ação vai influenciar no futuro da propriedade rural. “O capital é necessário para garantir a continuidade das operações da empresa. Os números não enganam”, ressaltou.

Criticou a cultura de redução de custos “impregnada” tanto no campo como na cidade. Observou que é preciso analisar com maior cuidado cada situação, sob pena de diminuir a qualidade dos produtos e serviços, afetando, dessa forma, o lucro do negócio. “Você pode melhorar o fluxo de caixa aumentando o prazo médio de pagamento dos fornecedores”, exemplificou.

Schultz orientou os jovens a planejarem cada passo na propriedade rural, salientando que o espaço como sucessor deve ser conquistado.

 

Cooperativismo e visita à Laticínios

Turmas realizaram visita técnica à Indústria de Laticínios da Languiru, em Teutônia, no dia 25 de outubro (Foto: Patrícia Dick Haas)

 

No dia 25 de outubro ocorreu o terceiro encontro do programa, também na Associação dos Funcionários da Languiru. Na oportunidade os jovens conheceram a história e o contexto do cooperativismo na parte teórica do dia. Alternadamente, a turma da manhã e a turma da tarde também realizaram visita técnica à Indústria de Laticínios da Languiru, em Teutônia. Os jovens puderam visualizar a chegada do leite oriundo das suas propriedades rurais e entender o processo de transformação da matéria-prima em diversos produtos, como bebidas lácteas, iogurte e doce-de-leite.

 

 

TEXTO – Éderson Moisés Käfer e Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Fórum Tecnológico do Leite

Gerenciamento da propriedade fecha ciclo de palestras online

Fórum Tecnológico do Leite

Segunda noite do evento debate sistemas produtivos

66 anos

Cooperativa promove campanha exclusiva para associados

Fórum Tecnológico do Leite

Gestão reprodutiva do rebanho pauta primeira noite do evento

Comitê Mulheres Cooperadas

Saúde da mulher será tema de palestra no dia 27 de outubro

Temporada de Prêmios Languiru

Ganhadores do primeiro sorteio recebem premiação

Cadeia leiteira

Fórum Tecnológico do Leite traz ciclo de palestras online

Temporada de Prêmios Languiru 2021

Sorteados primeiros vales-compras e motocicleta

“Somos penta”

Prêmio Exportação RS reconhece trabalho da Languiru no segmento alimentos

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.