NOTÍCIAS
Recursos Humanos - Técnicas de liderança pautam treinamento
Publicado em 05/02/2019

A Cooperativa Languiru orienta projetos que qualificam desde as pessoas envolvidas na geração de matéria-prima nas propriedades rurais, até o beneficiamento nas indústrias e expedição nas unidades comerciais.

Funcionários das indústrias receberam instruções sobre técnicas de relacionamento e gestão de grupos (Fotos: Éderson Moisés Käfer)

Em 2018, associados e familiares participaram de treinamentos que capacitaram as lideranças do quadro social e debateram a importância da sucessão familiar. Quem também teve a oportunidade de se aperfeiçoar foi um grupo de funcionários da cooperativa, que participaram de curso de qualificação de lideranças idealizado pelo Setor de Recursos Humanos, projetos com aporte financeiro do Sescoop/RS. Conduzida pelo professor Rogério Kober, a capacitação transcorreu entre os meses de setembro e dezembro, sendo dividida em módulos. O treinamento contemplou conteúdo teórico e dinâmicas de grupo e foi direcionado para funcionários com papel de liderança direta ou indireta em unidades industriais, administrativas, técnicas, varejistas e comerciais da Languiru, objetivando assim que tais conhecimentos sejam replicados aos demais membros da “Família Languiru”.

Ao todo, 370 funcionários participaram dos treinamentos, divididos em 15 turmas. Para 2019, novos projetos de qualificação e capacitação foram encaminhados ao Sescoop, visando o aperfeiçoamento constante do quadro social e funcional.

 

Frigoríficos, Laticínios e Fábrica de Rações

 

Kober enfatizou técnicas de relacionamento e gestão de grupos nos encontros que reuniram lideranças do Frigorífico de Aves, do Frigorifico de Suínos, da Indústria de Laticínios e da Fábrica de Rações. Observou que o mercado atual exige profissionais que saibam trabalhar e executar tarefas em grupo e que tragam resultados para a organização. “As mudanças estão acontecendo de uma forma muito rápida, ou seja, buscar novas informações com frequência é importante para estarmos ligados no que está acontecendo ao nosso redor”, aconselhou.

Funcionários participaram de dinâmicas nos encontros

Nesse sentido, mencionou aspectos que podem dificultar a comunicação com subordinados, como incapacidade verbal, falta de coerência, excessos de toda ordem e falta de feedback. “Temos o defeito de primeiro enxergar os problemas e só depois os aspectos positivos”, condenou.

 

Área Comercial

 

Metodologias para organizar a equipe de vendas e obter resultados mais expressivos foram debatidas nos encontros que reuniram lideranças da Área Comercial. Kober coordenou reflexão sobre as mudanças comportamentais que ocorreram nos indivíduos, nas empresas e no mundo. Apresentou pesquisa que indicou os principais fatores responsáveis pela perda de clientes, tanto que destacou a necessidade de se ter uma equipe comprometida com um alto nível de performance. Nesse contexto, enumerou quesitos para se tornar um gestor diferenciado. “Liderar é a capacidade de influenciar um grupo para alcançar metas, sendo que cada um tem uma forma diferente de ver as coisas e velocidades diferentes de fazer as coisas”, sintetizou.

Kober destacou que a motivação é um fator que provoca, canaliza e sustenta o comportamento de um indivíduo. Na sequência, apresentou técnicas para motivar pessoas e gerenciar conflitos, além de compartilhar ferramentas de negociação. “Mantenha-se calmo e lúcido, mesmo ao enfrentar fortes pressões e ataques pessoais, mesmo quando os argumentos contrários forem totalmente improcedentes, responda com calma e tomando cuidado com as palavras”, recomendou.

 

Supermercados Languiru e lojas Agrocenter Languiru

 

Kober repassou técnicas para gerir pessoas e fidelizar clientes nos encontros que reuniram diversos funcionários dos Supermercados Languiru e das lojas Agrocenter Languiru. Lembrou que vivemos uma evolução tecnológica acelerada e um ciclo de produtos mais curto voltado para amenizar desperdícios. Salientou as vantagens de trabalhar em equipes multifuncionais com capacidade para tomar decisões, exercer comunicação verbal e escrita e que tenham a liberdade de assumir riscos. “Hoje temos clientes mais exigentes e inteligentes, uma concorrência acirrada e um mercado instável. É necessário observar tudo a nossa volta, cativar as pessoas e ter planejamento para se comunicar”, acrescentou.

O professor indicou tendências varejistas, como estabelecimentos de pequeno porte especializados e estabelecimentos de grande porte massificados. Reiterou que é preciso identificar as necessidades dos clientes e oferecer conveniência aos consumidores. “A concorrência não é mais entre varejistas do mesmo formato, mas sim entre padarias e lojas de conveniência”, exemplificou.

Entre as competências inerentes ao líder, elencou a habilidade de inspirar confiança e ter autocontrole. Kober também ensinou técnicas de negociação para supermercadistas. “Sejam felizes com o que vocês escolherem para fazer, pois é isso que importa”, afirmou.

 

 

TEXTO – Éderson Moisés Käfer e Leandro Augusto Hamester

MAIS NOTÍCIAS

Todos os direitos reservados à Cooperativa Languiru | SAC: 0800 51 5453 | sac@languiru.com.br
Attitude