NOTÍCIAS
Aprendiz Cooperativo - Estudantes concluem período teórico e prático de aprendizagem
Publicado em 24/11/2017

“Aprendam a transformar informações e conhecimento em habilidades, tenham atitude e iniciativa, preservem valores como o respeito e a humildade, sejam esforçados e perseverantes. Seguindo esses e outros conselhos, com certeza vocês serão felizes e bem-sucedidos.” As palavras são do presidente da Cooperativa de Trabalho Educacional (Coopeeb), Valdir Bernardo Feller, na solenidade de formatura do Programa Aprendiz Cooperativo, realizada no dia 21 de novembro na sala de reuniões da Associação dos Funcionários da Languiru.

Turma de formandos do Aprendiz Cooperativo com representantes da Cooperativa Languiru (Fotos: Leandro Augusto Hamester)

Cotizados da Cooperativa Languiru, 16 concluintes do curso de Auxiliar Administrativo estavam aptos a receber seus certificados depois de finalizarem o período de aprendizado teórico, com aulas ministradas pela Coopeeb no Colégio Teutônia, e o período prático, desenvolvido nas unidades da cooperativa teutoniense ao longo de 18 meses.

Falando em nome dos formandos, o aprendiz Vitorino Farias Alves de Souza agradeceu pela oportunidade. “Tivemos uma oportunidade diferenciada de aprendizado. O conhecimento e a experiência contribuem para que nos tornemos pessoas melhores”, disse.

Turma de aprendizes cotizados pela Languiru recebeu certificados em solenidade de formatura realizada no dia 21 de novembro

A contadora da Languiru, Carla Gregory, parabenizou os jovens e enalteceu a importância do Programa Aprendiz Cooperativo. “Este processo de aprendizado e envolvimento dos estudantes com o cooperativismo forma cidadãos mais conscientes das suas responsabilidades, ao mesmo tempo em que é uma grande oportunidade de inserção no mercado de trabalho”, avaliou.

A coordenadora de Recursos Humanos da Languiru, Dionéia Hergemöller, destacou a qualificação teórica e prática proporcionada pelo Aprendiz Cooperativo. “Todos precisamos saber onde queremos chegar e o quanto de dedicação esse desejo requer para que se torne realidade. O programa é uma dessas possiblidades de evoluir como pessoa e como futuro profissional”, classificou.

Coordenadora de Recursos Humanos da Languiru, Dionéia Hergemöller (e), presidente da Coopeeb, Valdir Feller, e contadora da Languiru, Carla Gregory

 

Aprendiz Cooperativo na Languiru

 

A Languiru oferece o Programa Aprendiz Cooperativo desde 2009 e, ao longo desses anos, mais 750 jovens já participaram das atividades teóricas e práticas, com vivências em diferentes unidades da cooperativa. Atualmente a Languiru, em parceria com o Sescoop, a Coopeeb e o Colégio Teutônia, conta com cerca de 140 estudantes envolvidos no processo de aprendizagem, em turmas dos cursos de Processamento de Carnes, Eletrotécnica Básica e Auxiliar Administrativo. Além disso, ainda há turmas específicas do curso de Processamento de Carnes para Pessoas com Deficiência (PcDs) e o Aprendiz Cooperativo do Campo, projeto pioneiro no Brasil iniciado em fevereiro de 2016.

O Programa Aprendiz Cooperativo tem como base legal a Lei 10.097, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece que o contrato de aprendizagem é um contrato de trabalho especial, ajustado por escrito e por prazo determinado, em que as cooperativas se comprometem a assegurar ao maior de 14 anos e menor de 24 anos, inscrito em programa de aprendizagem, formação técnico-profissional metódica, compatível com o seu desenvolvimento físico, mental e psicológico; e o aprendiz, a executar, com zelo e diligência, as tarefas necessárias a essa formação.

“A formação técnico-profissional de adolescentes e jovens amplia as possibilidades de inserção no mercado de trabalho e torna promissor o futuro da nova geração. As cooperativas, por sua vez, além de cumprirem sua função social, contribuem para a formação de um profissional mais capacitado para as exigências do mercado de trabalho e com visão mais ampla da própria sociedade. Mais que uma obrigação legal, portanto, a aprendizagem é uma ação de responsabilidade social e um importante fator de promoção da cidadania, em última análise, numa melhor produtividade”, destacou o diretor-administrativo da Coopeeb na solenidade de formatura, Leone Bandeira.

 

 

 

TEXTO – Leandro Augusto Hamester

MAIS NOTÍCIAS

Todos os direitos reservados à Cooperativa Languiru | SAC: 0800 51 5453 | sac@languiru.com.br
Attitude