Notícias

Languiru está entre as maiores cooperativas de produção do Estado

13/02/2019

Anualmente a Cooperativa Languiru tem marcado presença em rankings que valorizam o trabalho de empresas instaladas no Brasil e que levam em consideração o desempenho econômico e social das organizações. Em 2018 o reconhecimento à atuação da Languiru foi enaltecido em diferentes publicações, a começar pelo ranking 500 Maiores do Sul, projeto do Instituto Amanhã com apoio técnico da PwC, cuja divulgação da 28ª edição ocorreu na Revista Amanhã no. 329/2018. O material destaca as empresas líderes do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, além das 500 empresas consideradas emergentes, tomando como referência seu desempenho econômico no exercício de 2017.

Considerando as 500 maiores empresas da região Sul, a cooperativa ocupa a 128ª posição. Entre as 100 maiores empresas do Rio Grande do Sul, a Languiru está em 49º lugar. Em se tratando apenas das cooperativas de produção que integram o ranking gaúcho, a Languiru ocupa a 4ª colocação. A Languiru ainda figura no ranking das 50 maiores receitas líquidas do Rio Grande do Sul, ocupando a 39ª posição, superando R$ 1,1 bilhão em 2017. Numa análise mais criteriosa desse ranking, a Languiru também surge como a maior empresa com sede no Vale do Taquari, corroborando pesquisa que também reconheceu a marca Languiru em 2018 como a mais lembrada na região.

 

Cooperativas de produção são destaque entre maiores receitas

 

Análise publicada na edição da Revista Amanhã e assinada pelo secretário de redação, Marcos Graciani, ressalta que “mesmo em um ano de ventos fracos na economia, as 500 maiores do Sul conseguiram resultados animadores em 2017 e se mostram preparadas para um novo tempo de expansão dos negócios”.

Numa análise setorial, Graciani considera que “o pior já passou”. No texto, ele enumera que o setor de alimentos e bebidas continua na ponta em se considerando as maiores receitas, alcançando R$ 92 bilhões, seguido pelas cooperativas de produção que integram o ranking, as quais registraram faturamento de R$ 62,9 bilhões. “Juntos, os dois representam quase um terço (28,8%) das vendas de todo o ranking”, ressalta.

O ranking 500 Maiores do Sul utiliza os balanços das empresas avaliados segundo o índice Valor Ponderado de Grandeza (VPG), que analisa a média ponderada entre a Receita Líquida, o Patrimônio Líquido e o Resultado.

 

Melhores e Maiores do Brasil

 

A Revista Exame, na edição especial Melhores & Maiores, divulgou as mil maiores empresas do Brasil, ranqueando os destaques em diferentes segmentos da economia com base nos resultados financeiros referentes ao exercício de 2017. E mais uma vez as cooperativas estão bem posicionadas no ranking, comprovando sua importância econômica e social. No quesito vendas líquidas, a Languiru figura na 563ª posição, já no ranking das 400 maiores do Agronegócio, a cooperativa teutoniense é a 141ª.

Criado há mais de 40 anos pela Editora Abril, o anuário toma por base o balanço e dados oficiais das empresas, cuja avaliação considera critérios como resultados obtidos em crescimento das vendas, lucro, patrimônio, rentabilidade, capital circulante líquido, liquidez geral, endividamento, riqueza criada, número de empregados, riqueza criada por empregado, salários e encargos, tributos, controle acionário, exportação e EBITDA (lucro antes de descontar os juros, os impostos sobre o lucro, a depreciação e a amortização).

 

Valor 1000

 

A Languiru também integra o ranking anual da revista Valor Econômico, do Grupo Globo, com as maiores empresas do Brasil. No Valor 1000 – Maiores Empresas 2018, cooperativas gaúchas estão representadas, considerando dados oficiais de balanços do exercício de 2017, e a Languiru ocupa o 447º lugar entre as 1000 empresas, cooperativas ou não, de diferentes ramos de atividade.

Em se tratando das cooperativas ranqueadas pelo Valor 1000, a Languiru figura no 3º lugar entre as maiores do ramo agropecuário no Rio Grande do Sul. Levando em conta a realidade local, a Languiru é a primeira cooperativa do Vale do Taquari no ranking do Valor Econômico.

 

Languiru estima faturamento bruto de R$ 1,3 bilhão

Presidente Dirceu Bayer: “A crise ensinou grandes lições à Cooperativa Languiru” (Foto: Leandro Augusto Hamester)

 

Apesar de todas as dificuldades que o cenário econômico e político impôs a todas as empresas no país, a Cooperativa Languiru estima faturamento bruto de 2018 em cerca de R$ 1,3 bilhão, desempenho a ser apresentado em assembleia aos associados. O presidente Dirceu Bayer ressalta que a crise ensinou grandes lições à Languiru, que ao longo dos últimos anos vem evoluindo e colhendo frutos dos investimentos realizados, o que a coloca em situação favorável. “Tenho a convicção de que estamos trilhando o melhor caminho e fazendo o ‘dever de casa’, com novas ferramentas de gestão e controle”, enfatiza Bayer, citando o desenvolvimento e implantação do projeto de Governança Corporativa em Cooperativas, implementação de ferramentas, acompanhadas de devidas estruturações legais que permitem à Languiru aperfeiçoar o processo de profissionalização e modernização de sua gestão. “A cooperativa está sendo organizada para o futuro, de modo que esse trabalho fique como legado. Acreditamos num futuro promissor, seguindo os caminhos da transparência. Não existe sistema que represente tanto quanto o cooperativismo.”

Bayer ainda agradece o empenho de associados e funcionários ao longo de 63 anos de história. “Precisamos valorizar todos que sempre acreditaram na cooperativa. Não podemos esquecer o passado de dificuldades para podermos valorizar o quanto evoluímos”, conclui.

 

 

 

 

TEXTO – Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Aprendizado no campo

Programa Aprendiz Cooperativo concilia teoria com prática nas propriedades rurais

Clinic Care

Farmácias Languiru oferecem serviços especiais aos associados e clientes

Campanha

Languiru e Shopping Lajeado realizam promoção que sorteia R$ 34 mil em vales-compras

Futuro no campo

Languiru recebe inscrições para terceira edição do Programa de Sucessão Familiar

Inovação

Lançamento de plataforma digital para o agro ocorre no dia 20 de abril

Melhoramento genético

Chegou versão atualizada do Catálogo de Touros

Sucessão Rural

A satisfação pelo trabalho motiva os jovens a seguirem no agronegócio familiar

Inovação RS

Leite Languiru Origem é destaque em alimentos e bebidas premium

Desempenho

Em assembleia digital, Languiru apresenta faturamento histórico de R$ 1,8 bilhão

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.