Notícias

Incremento da produção – Associados recebem bônus de R$ 0,30 por litro do leite da entressafra

20/12/2019

A cadeia produtiva do leite enfrenta oscilações constantes. Considerando essa realidade e com o intuito de valorizar o empenho dos produtores de leite associados à Languiru, a cooperativa institui o Programa Mais Leite Entressafra 2020.

Programas de incentivo ao produtor de leite foram apresentados em reuniões com associados em Teutônia e Venâncio Aires (Fotos: Éderson Moisés Käfer)

Além de oferecer benefícios pelo incremento na produção leiteira, o programa ainda busca potencializar o aproveitamento da capacidade instalada na Indústria de Laticínios da Languiru, em Teutônia. “Pretendemos reduzir a queda de produção nos meses de entressafra, concedendo pagamento adicional para a evolução da média mensal do período”, resume o gerente de fomento do Setor de Leite do Departamento Técnico da Languiru, Mauro Aschebrock.

 

Como funciona

 

A Languiru compreende que a produção da entressafra é menor que no período da safra (outubro, novembro e dezembro de 2019 e janeiro de 2020). O que a cooperativa propõe é um desafio para atenuar a queda da produção nesse período de entressafra (março, abril, maio e junho de 2020), na prática aceitando que ela equivalha a 80% da média do período da safra. O produtor que entregar volumes acima dos 80% da média produzida no período da safra recebe bônus de R$ 0,30 para cada litro excedente.

Gerente de fomento do Setor de Leite do Departamento Técnico da Languiru, Mauro Aschebrock

Esse benefício será pago em cota única na forma de vale-compras nos Supermercados Languiru, lojas Agrocenter Languiru e Fábrica de Rações. Importante lembrar que só terá direito ao bônus o produtor que estiver entregando a sua produção de leite até a data do pagamento.

 

Exemplo

 

Numa propriedade que registrou produção média mensal entre outubro/19 e janeiro/20 de 24.275 litros, a base de cálculo considera 80% dessa média para comparar com a média de produção da entressafra – nesse exemplo, os 80% equivalem a 19.420 litros.

Melhorando o volume de produção média entre março e junho/20 para, por exemplo, 22.800 litros, o ganho foi de 3.380 litros (variação positiva entre os 22.800 e os 19.420 litros). Multiplicando esse volume pelo bônus de R$ 0,30 por litro, o produtor desse exemplo fictício será bonificado com R$ 1.014,00 em vale-compras.

“O que importa é a média mensal de todo período. Se em algum mês a produção não registrar evolução, no próximo é possível recuperar. O foco está em reduzir a queda de produção no período de entressafra”, explica Aschebrock.

 

Custeio veterinário e bônus na nutrição animal

 

A Languiru também concederá bônus no auxílio/custeio veterinário de acompanhamento reprodutivo do rebanho na propriedade. O benefício é exclusivo para esse acompanhamento, podendo também abranger a qualidade do leite e a dieta do rebanho, por exemplo.

Além disso, a cooperativa ainda oferece bônus extra de até R$ 0,02 por litro de leite por meio de programa que valoriza a compra de rações ou os seus insumos e o sal mineral, estimulando o produtor a adquirir esses insumos nas unidades da cooperativa.

 

Compromisso com o associado

 

O presidente Dirceu Bayer enaltece o compromisso da Languiru com o quadro social. “A cooperativa valoriza os associados, com ações que incrementam a remuneração do produtor de leite. Esse novo programa de incentivo foi desenvolvido para o período da entressafra e também contribui para a fidelização do quadro social. Estamos ao lado do nosso produtor sempre, o ano inteiro, nos bons e maus momentos”, defende.

Presidente Dirceu Bayer

Paralelamente ao Programa Mais Leite Entressafra 2020, Bayer ainda menciona bonificação com nota complementar referente à produção de leite de novembro, correspondente a R$ 0,10 por litro, com crédito na conta dos produtores no dia 20 de dezembro.

 

Queijaria

 

Projeto de construção de queijaria está na pauta de investimentos da Languiru. A unidade será instalada em área localizada ao lado da Indústria de Laticínios, em Teutônia. Para atender à demanda de volume de produção, o presidente anuncia a necessidade de incremento da matéria-prima. “Precisamos produzir em torno de 100 mil litros de leite a mais por dia em 2020 para que possamos dar andamento ao projeto de queijaria da Languiru”, adianta.

 

 

 

TEXTO – Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Grãos e hortifrúti

Languiru sela parceria com a Philip Morris

Dia do Colono e do Motorista

No campo, a tecnologia. Na estrada, a fé

Gratidão ao cooperativismo

“Eu sei mais ou menos como é o céu, é tão bonito, tão leve”

Tecnologia

Aplicativo reúne e fornece informações sobre captação de leite na propriedade rural

Dia C

Languiru lança segunda edição de projeto de gastronomia direcionado a comunidades carentes

Gestão e Liderança Cooperativa

Languiru inicia nova edição de curso previsto no Estatuto e Sistema de Governança

Expansão

Cooperativa Languiru inicia coleta de leite na Região Sul do Estado

Segurança pública

Languiru auxilia nas reformas do Presídio Estadual de Lajeado

Curso de Sucessão Familiar

“Eu quero ficar aqui, seguir em frente, investir e aumentar a produtividade”

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.