Notícias

Cooperativa escolar presta contas em assembleia

23/05/2019

“Numa cooperativa, todos se ajudam e querem o bem do colega, o bem para a sociedade. Trabalhamos juntos em busca de um mesmo objetivo. O cooperativismo na prática nos permite ‘abrir a mente’, desenvolve a maturidade e o espírito de liderança.” As palavras são da presidente da Cooperativa Escolar de Aprendizagem Teutônia (Coopeat), Raissa Tauane Garcia (15), que tomou posse em assembleia no dia 30 de abril. A cooperativa escolar é composta por aprendizes cotizados pela Cooperativa Languiru e desenvolve suas atividades junto ao Colégio Teutônia.

Integrantes da Cooperativa Escolar de Aprendizagem Teutônia com representantes dos parceiros do projeto (Fotos: Leandro Augusto Hamester)

O processo assemblear seguiu os tradicionais ritos do cooperativismo, com leitura de ata e edital; eleição e posse do novo Conselho Fiscal e Diretoria para a gestão 2019-2020; apresentação do plano de gestão; e prestação de contas do exercício anterior.

 

Novas lideranças cooperativas

Processo assemblear segue os ritos tradicionais de uma cooperativa convencional

 

“O projeto de cooperativas escolares é uma grande oportunidade de aprendizado e formação de lideranças, exercitando o espírito cooperativo e a autonomia, além de possibilitar vivências práticas do cooperativismo no dia a dia. Com certeza essas atividades diferenciadas formam pessoas melhores”, avalia a coordenadora geral do Colégio Teutônia, professora Andrea Wallauer.

A assistente de relacionamento da Sicredi Ouro Branco, cooperativa que desenvolve o projeto de cooperativas escolares, Raquel Schwingel, valoriza a evolução das atividades. “O projeto existe desde 2015 e ao longo desses anos acompanhamos a evolução desses jovens. São trabalhos como esse que transformam a sociedade”, parabeniza, desejando sucesso à nova diretoria da Coopeat.

A psicóloga da Cooperativa Languiru, Júlia Portz, elogia a organização da assembleia e o trabalho da cooperativa escolar. “Aproveitem a oportunidade, uma atividade excelente para desenvolver valores de cooperação, honestidade e transparência.”

 

Aprendizado na prática

Vice-presidente Deivid Marques da Fonseca e presidente Raissa Tauane Garcia estão à frente da cooperativa escolar para a gestão 2019-2020

 

Com o lema “Plantando ideias, colhendo conhecimento”, a Coopeat tem por missão “promover o desenvolvimento do cooperativismo de forma integrada e sustentável, buscando a satisfação e confiança dos consumidores dos produtos e serviços oferecidos”, a visão de “ser reconhecida por sua excelência no desenvolvimento dos seus diferentes objetos de aprendizagem”, alicerçados nos valores da cooperação, ética, honestidade, responsabilidade social e qualidade.

Os objetos de aprendizagem contam com a produção de balas de mel com gengibre, balas e rapaduras de chocolate e produção de hortaliças. Além disso, o planejamento prevê o plantio de mudas de árvores ornamentais.

 

 

 

TEXTO – Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Dia do Colono e do Motorista

No campo, a tecnologia. Na estrada, a fé

Gratidão ao cooperativismo

“Eu sei mais ou menos como é o céu, é tão bonito, tão leve”

Tecnologia

Aplicativo reúne e fornece informações sobre captação de leite na propriedade rural

Dia C

Languiru lança segunda edição de projeto de gastronomia direcionado a comunidades carentes

Gestão e Liderança Cooperativa

Languiru inicia nova edição de curso previsto no Estatuto e Sistema de Governança

Expansão

Cooperativa Languiru inicia coleta de leite na Região Sul do Estado

Segurança pública

Languiru auxilia nas reformas do Presídio Estadual de Lajeado

Curso de Sucessão Familiar

“Eu quero ficar aqui, seguir em frente, investir e aumentar a produtividade”

Agrocenter

Languiru investe em loja modelo para o segmento de máquinas e implementos agrícolas

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.