Notícias

Cadeia leiteira

Cerca de 330 pessoas participam de reunião-almoço com presidente da Languiru

29/06/2022

Leandro Augusto Hamester

Bayer apresenta números e investimentos da Cooperativa

No dia 23 de junho ocorreu nova edição de reunião-almoço da Languiru com o quadro social. Realizado na Associação dos Funcionários, em Teutônia, o encontro reuniu associados da cadeia leiteira e contou com a participação de aproximadamente 330 pessoas, inclusive produtores vindos de outras regiões do Estado onde a Languiru atua.

O evento foi conduzido pelo presidente Dirceu Bayer, que apresentou números e investimentos, e falou do bom momento para a produção leiteira. “Já vínhamos projetando que esse seria o ano do leite, e a lei da oferta e da procura nos mostra o cenário favorável para a cadeia produtiva. Fazemos o possível para atender as necessidades dos nossos produtores, nos diferentes segmentos, isso é a essência do cooperativismo colocada em prática pela Languiru”, disse, destacando a transparência e o contato direto com o quadro social. “O segmento leite conta com o maior número de associados, e a expressiva participação neste evento demonstra o apoio à Languiru.”

Languiru tem realizado reuniões-almoço com associados de diferentes cadeias produtivas. No dia 23 de junho o encontro foi com produtores de leite (Fotos: Leandro Augusto Hamester)

Investimentos

O presidente comentou sobre a ampliação e diversificação do mix de produtos, especialmente no segmento das carnes; falou do projeto de construção da queijaria junto à Indústria de Laticínios, em Teutônia; da instalação de Agrocenter em Rio Pardo e de supermercado e Agrocenter em Westfália. “Precisamos evoluir e esses investimentos são importantes para superarmos o momento adverso. É preciso acompanhar as evoluções impostas pelo mercado consumidor”, exemplificou, projetando o retorno desses investimentos já em 2022 e, principalmente, no exercício de 2023.

Presidente Dirceu Bayer

Pró-Leite

O gerente de fomento do Setor de Leite, Mauro Aschebrock, detalhou benefícios financeiros oportunizados pelo Programa Pró-Leite, iniciativa da Cooperativa que bonifica o produtor a partir de diferentes critérios. “A Languiru paga para que o produtor rural cresça, oportuniza assistência técnica e incentiva o aumento da produção. Todo aumento de produtividade gera volume para a Indústria de Laticínios e, consequentemente, ganhos ao produtor. É uma maneira de profissionalizar a produção leiteira, com um programa de incentivo flexível que recebe melhorias a partir de sugestões e novas oportunidades do segmento”, frisou, alertando para o risco de drástica redução dos volumes de produção a nível mundial em virtude dos altos custos.

Gerente de fomento do Setor de Leite, Mauro Aschebrock

Bayer valorizou o espaço democrático para colocações dos associados. “A Languiru está aberta às opiniões dos seus associados e essas reuniões-almoço terão continuidade com os diferentes segmentos produtivos. No caso do Pró-Leite, por exemplo, ouvindo o associado qualificamos ainda mais o programa, juntos criamos novas possibilidades.”

Apoio do quadro social

O associado Roberto de Oliveira, com propriedade em Linha São Jacó, município de Estrela, parabenizou a Languiru pelas reuniões com o quadro social. “É uma forma de valorizar quem está aqui, a fidelidade desses produtores, ao mesmo tempo em que o associado conhece mais sobre a sua Cooperativa. Muitas vezes o produtor só observa o preço e não olha todos os benefícios como associado. Vamos valorizar esse trabalho, comprar as ideias da nossa Cooperativa e trazer sugestões.”

O representante da associada Lácteos Vacaria, Eusébio Körbes, enalteceu o trabalho da Cooperativa e seus produtores. “A demanda por leite está aquecida e precisamos todos fazer o ‘dever de casa’, com boas perspectivas para o produtor de leite. Devemos auxiliar com produtividade e qualidade, o que permite que o produto final do leite Languiru também seja diferenciado. Isso agrega de todos os lados e vamos subindo juntos.”

Com propriedade em São João do Bom Retiro, município de Estrela, o associado José Adão Braun parabenizou a Languiru pela valorização do quadro social, mencionando os benefícios do Pró-Leite. “É algo que vem ao encontro das necessidades do produtor. Vale a pena ser cooperativado, vale a pena pertencer ao quadro de uma Cooperativa séria como a Languiru. Na hora em que a dificuldade cresce, ela nos abraça, e isso fica evidente mais uma vez.”

Braun (e), Körbes e Oliveira: associados valorizam transparência e trabalho da Cooperativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

“Languiru sem fronteiras”

Cooperativa recebe premiação pela atuação internacional no segmento de alimentos

NA COZINHA COM A LANGUIRU

Formatura consolida proposta e gera novas perspectivas

Agrocenter Languiru 12 anos

Contemplados recebem seus prêmios em Teutônia

Suinocultura

Evento técnico reúne mais de 300 produtores e familiares

Avicultura

Reuniões técnicas orientam sobre manejo de lotes no inverno

Agrocenter Languiru – 12 anos

Sorteio contempla clientes e associados dos Vales do Taquari e Rio Pardo

Teutofrangofest

Comitiva apresenta evento gastronômico teutoniense no Palácio Piratini e na Assembleia Legislativa

Dia C

Ações sociais marcam atividades pelo Dia do Cooperativismo

Qualificação

Languiru oportuniza nova formação em gestão e sucessão

A Cooperativa Languiru usa cookies neste site para melhorar a sua experiência, para fins estatísticos ou, ainda para avaliar a eficácia de nossas promoções, anúncios dentre outras. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.