Notícias

Associados da CIC Teutônia visitam Frigorífico de Aves e Indústria de Laticínios da Languiru

04/12/2016

Com o intuito de oportunizar experiência diferenciada aos seus associados, a CIC Teutônia promoveu visita técnica a duas unidades industriais da Cooperativa Languiru. No dia 25 de novembro o roteiro iniciou em Westfália, onde o grupo conheceu as dependências do Frigorífico de Aves, unidade cujos produtos são exportados para mais de 40 países. O gerente Fabiano Leonhardt deu as boas-vindas aos visitantes e discorreu sobre agronegócio, avicultura e o setor de carnes. Leonhardt destacou que existe uma grande demanda por alimentos, principalmente, em regiões mais pobres da África, Oriente Médio e Ásia. Sobre a planta do abatedouro, observou a necessidade da gestão de pessoas e explicou as diferenças entre mercado interno e externo. “Nesta unidade abatemos 115 mil frangos por dia. Além disso, a Languiru vende 45 mil frangos vivos para outra empresa”, complementou. Leonhardt também respondeu a perguntas dos visitantes e falou de investimentos realizados em capital humano e na modernização dos processos. Em seguida, guiados por encarregados de produção, o grupo visitou as instalações da planta industrial, conhecendo setores como de desossa, temperados e câmaras frias.

Associados da CIC em visita ao Frigorifico de Aves da Languiru, em Westfália (Fotos: Éderson Moisés Käfer)
Associados da CIC em visita ao Frigorifico de Aves da Languiru, em Westfália (Fotos: Éderson Moisés Käfer)

A programação seguiu em Teutônia, com visita à Indústria de Laticínios, onde foram recebidos pelo gerente industrial Lauri Reinheimer e pela encarregada da Garantia da Qualidade, Patrícia Dick Haas. Apresentando dados gerais sobre a atividade leiteira, Reinheimer comentou que em torno de 1,5 mil propriedades fornecem mais de 450 mil litros de leite por dia à planta industrial da Languiru. A matéria-prima é oriunda de 71 rotas localizadas em mais de 50 municípios. “O quadro de colaboradores conta com 180 profissionais que beneficiam a matéria-prima. A nossa indústria foi a primeira laticínios a neutralizar a emissão de carbono, inclusive, sendo certificada por isso”, acrescentou. Na sequência, o grupo iniciou visita à planta industrial, onde conheceram o setor de leite UHT e derivados.

Grupo conheceu setor de recepção do leite, industrialização do leite UHT e derivados
Grupo conheceu setor de recepção do leite, industrialização do leite UHT e derivados

TEXTO – Éderson Moisés Käfer e Leandro Augusto Hamester

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outras notícias

Lançamento

Languiru apresenta os Soltinhos de Frango, mais facilidade e praticidade na cozinha

Aprendizado no campo

Programa Aprendiz Cooperativo concilia teoria com prática nas propriedades rurais

Clinic Care

Farmácias Languiru oferecem serviços especiais aos associados e clientes

Campanha

Languiru e Shopping Lajeado realizam promoção que sorteia R$ 34 mil em vales-compras

Futuro no campo

Languiru recebe inscrições para terceira edição do Programa de Sucessão Familiar

Inovação

Lançamento de plataforma digital para o agro ocorre no dia 20 de abril

Melhoramento genético

Chegou versão atualizada do Catálogo de Touros

Sucessão Rural

A satisfação pelo trabalho motiva os jovens a seguirem no agronegócio familiar

Inovação RS

Leite Languiru Origem é destaque em alimentos e bebidas premium

Ao continuar a utilizar o nosso website você concorda com a nossa política de privacidade.